DIA 9 JOSÉ CID

JOSÉ CID-
ACID JAZZ
PROJECT

9 JULHO
2022

1ª PARTE DE GREGORY PORTER

José Cid não é só um dos grandes intérpretes e compositores da música portuguesa das últimas décadas, como também está na origem daquilo que é a música pop e rock em Portugal. Com mais de 60 anos de carreira, o músico da Chamusca tem mais de 25 discos de prata, oito de ouro, três de platina, além de inúmeros prémios em Portugal e no estrangeiro, como por exemplo o Globo de Ouro SIC, Prémio Carreira, ou o Grammy Latino de Excelência Musical, que lhe foi atribuído em 2019. Desde a sua primeira canção composta na adolescência, nunca mais parou, colecionando êxito atrás de êxito, num percurso absolutamente singular, tanto pela notoriedade adquirida, como pelos inúmeros empreendimentos artísticos abraçados ao longo dos anos – José Cid atirou-se a vários géneros e passou sempre com distinção. Temas como “Vinte Anos”, “Um Grande, Grande Amor”, “Minha Música”, “Cabana Junto À Praia”, entre tantos outros, ficarão para sempre na história da música popular portuguesa. Recentemente ganhou um Grammy Latino de Excelência Musical, enchendo todos os portugueses de orgulho, e mostrou o seu fulgor criativo com novos discos, editados em 2019 e 2021, respetivamente: “Fados, Fandangos, Malhões e … uma Valsinha” e “Vozes do Além”. No Festival Jardins do Marquês – Oeiras Valley apresenta-se como o seu Acid Jazz Project. Neste espetáculo, José Cid junta-se a outros músicos de jazz para uma experiência verdadeiramente surpreendente, num concerto feito a partir de versões de música popular portuguesa, alguns fados e, claro, também originais de José Cid. Este lado mais jazzístico de José Cid é-nos dado a conhecer no dia 9 de julho, na primeira parte do concerto de Gregory Porter.